O melhor café do Rio, entregue para as melhores empresas e restaurantes.


O melhor café do Rio, entregue para as melhores empresas e restaurantes.


O café de alta performance para atletas que querem otimizar seu rendimento nos treino.


  • No products in the cart.
  • No products in the cart.

Blog

Valor Café / Novidades  / Café diminui os riscos de demência e doenças de Alzheimer e Parkinson

Café diminui os riscos de demência e doenças de Alzheimer e Parkinson

A cafeína presente no café pode ajudar a reduzir o risco de diversos problemas e doenças neurológicas.

Em um estudo, pesquisadores acompanharam 124 pessoas com idades entre 65 e 88 anos com leves alterações de capacidade cognitiva. Eles encontraram risco significativamente reduzido de demência em pessoas que tinham níveis mais altos de cafeína no sangue. Ficou evidente que pessoas de meia idade que bebem de 3 a 5 xícaras de café por dia estão associadas a um risco reduzido de demência, em torno de 65%.

Estudos também mostram que os idosos podem se proteger contra o desenvolvimento do mal de Alzheimer bebendo pelo menos 3 xícaras de café por dia.

Uma pesquisa publicada em 2012 pelo Florida Alzheimer’s Disease Research Center afirma que altos níveis de cafeína no sangue de pessoas mais velhas podem prevenir, ou, pelo menos, adiar o aparecimento da doença.

Quem bebe café também tem um risco muito menor de desenvolver a doença de Parkinson com o nível de redução do risco variando entre 32% e 60%.

A cafeína não apenas reduz o risco de desenvolver essa doença: em um dos estudos feitos, pacientes que consumiram cafeína tiveram uma melhora nos sintomas. Foi observado uma leve melhora na habilidade motora de pacientes que consumiram de 100 a 200mg de cafeína duas vezes ao dia.

Não seria hora de tomar um cafezinho? Saúde!